HomeImprensaFutsal empata com Krona e continua sem ganhar na Liga Nacional de...

Futsal empata com Krona e continua sem ganhar na Liga Nacional de Futsal.

No próximo sábado, o Suzano/Penalty volta a jogar em casa pela Liga Nacional de Futsal, quando enfrenta o Macaé/Botafogo/CDE (RJ). A partida será as 19 horas, no Ginásio Municipal de Esportes Roberto David, o Ginásio do Sesc (rua Agnaldo Cursino, 267 – Sesc). A entrada é um quilo de alimento não perecivel, com exceção de fubá, sal e açucar.

“Eu (Cabral) assisti alguns jogos do Botafogo, é uma equipe forte, mas estaremos jogando em casa e o time está vindo de uma boa partida. Tomara que a gente consiga surpreender e sair com a vitória”.

Com treino reforçado no ataque e na defesa, a equipe suzanense espera contar com o apoio da torcida na busca de sua recuperação no campeonato.

Antes disso, porém pelo Campeonato Paulista de Futsal, Série A1, a equipe principal do Suzano/Penalty enfrenta amanhã, às 20 horas, o time do Wizard/Pulo do Gato/Campinas, na casa dos adversários no interior do Estado.

Na partida de estreia na competição, em 14/3, os suzanenses jogarem em casa e empataram em 2 a 2 com o AD Wimpro/Guarulhos.

SEM VITÓRIAS: A equipe de Futsal Suzano/Penalty continua sem ganhar na temporada. Na noite da última segunda-feira, o grupo viajou para Santa Catarina, onde foi realizado o jogo contra o Krona/Joinville/DalPonte pela Liga Nacional. A partida acabou empatada, em 2 a 2.

Para o técnico da equipe, Fernando Cabral, o time conseguiu fazer um bom jogo e quer somar pontos para melhorar a posição na Liga: “Finalmente conseguimos jogar como deveríamos. Fizemos uma bela partida e conseguimos um empate fora de casa. Gostei realmente da equipe e fizemos diferente das últimas partidas, as quais demonstramos um futsal ruim”, explicou o treinador.

O Suzano surpreendeu os donos da casa e marcou dois gols no primeiro período, com Luizinho, aos 10 e aos 13 minutos. Mas o time de Joinville não esmoreceu: Neto, no lance seguinte, diminuiu para a Krona. E André, aos 18, deixou tudo igual.

No segundo tempo, o que sobrou de vontade para os times, faltou de gols. As duas equipes protagonizaram bons momentos, mas as defesas compriram bem seu papel, e a partida terminou com o placar inalterado.

Mais Artigos